a


Don’t _miss

Wire Festival

 

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Nullam blandit hendrerit faucibus turpis dui.

IDIOMA

O que você está procurando?

Evento Online – Saneamento

CO-REALIZAÇÃO

INVESTIMENTOS NO SETOR DE SANEAMENTO

BLOCO #07 | O PAPEL DA AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS NO NOVO MARCO REGULATÓRIO

Questões a serem abordadas:

– Competências da ANA no novo marco regulatório;
– Expectativa das agências reguladoras em relação às normas de referência;
– Por que atribuir à ANA de competências? Como isso pode melhorar o ambiente regulatório do setor?

Entrevistados:

Oscar de Moraes Cordeiro Netto, Diretor – ANA – Agência Nacional de Águas

 

 

Fernando Alfredo Rabello Franco, Presidente – ABAR – Associação Brasileira de Agências de Regulação

 

 

Fernando Camacho, Investment Officer e Professor de EconomiaIFC e FGV/EPGE – Escola Brasileira de Economia e Finanças Fundação Getúlio Vargas

 

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

 

 

 

*Á Confirmar

BLOCO #08 | NECESSIDADE DE APERFEIÇOAMENTO DAS REGRAS CONTRATUAIS PARA ATRAIR O CAPITAL PRIVADO: O DESAFIO DE COORDENAR SETOR PRIVADO E PÚBLICO PARA APERFEIÇOAR OS CONTRATOS

Questões a serem abordadas:

– O que é preciso fazer para que os novos contratos de concessão ou as desestatizações de saneamento (pós novo marco legal) contribuam para universalizar os serviços;
– O que o setor público e a iniciativa privada estão fazendo para assegurar que o novo marco de saneamento não seja uma oportunidade perdida.

Entrevistados:

Diogo Mac Cord de Faria, Secretário de Desenvolvimento de Infraestrutura – Ministério da Economia*

Percy Soares Neto, Diretor Executivo – ABCON/SINDCON – Associação Brasileira das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto

 

 

Cleverson Aroeira da Silva, Superintendente da Área de Estruturação de Parcerias de Investimentos – BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social

 

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

 

 

 

*Á Confirmar

BLOCO #09 | O NOVO MARCO LEGAL E A NECESSIDADE DE APERFEIÇOAMENTO DAS REGRAS CONTRATUAIS PARA ATRAIR CAPITAL PRIVADO E ATINGIR MAIS RAPIDAMENTE AS METAS DE UNIVERSALIZAÇÃO: DISTRIBUIÇÃO DE RISCOS

Questões a serem abordadas:

– Efeitos da distribuição inadequada de riscos dos contratos de concessão. Por que precisamos nos preocupar com isso?
– Aperfeiçoamentos necessários na distribuição de riscos dos contratos de concessão de saneamento e sua contribuição para atingirmos a universalização mais rapidamente

Entrevistados:

Guilherme Albuquerque, Chefe do Departamento de Estruturação de Parcerias – BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social

Marcelo Rangel Lennertz, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 


Vanessa Tafla,
Diretora Jurídica – GS Inima

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

 

 

 

*Á Confirmar

BLOCO #10 | O NOVO MARCO LEGAL E A NECESSIDADE DE APERFEIÇOAMENTO DAS REGRAS CONTRATUAIS PARA ATRAIR CAPITAL PRIVADO E ATINGIR MAIS RAPIDAMENTE AS METAS DE UNIVERSALIZAÇÃO: EQUILÍBRIO ECONÔMICO-FINANCEIRO

Questões a serem abordadas:

– Efeitos da utilização de regras inadequadas sobre equilíbrio econômico-financeiro nos contratos de concessão. Por que precisamos nos preocupar com isso?
– Aperfeiçoamentos necessários nessas regras para atingirmos a universalização dos serviços mais rapidamente

Entrevistados:

À Definir

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

BLOCO #11 | APERFEIÇOAMENTO NO ARRANJO INSTITUCIONAL E NOS MODELOS REGULATÓRIOS NECESSÁRIOS PARA ATRAIR O CAPITAL PRIVADO. DESAFIOS PARA CONVIVÊNCIA DE DOIS MODELOS REGULATÓRIOS DIFERENTES NO MESMO SETOR: REGULAÇÃO POR CONTRATO E REGULAÇÃO DISCRICIONÁRIA

Questões a serem abordadas:

– Quais são as dificuldades que decorrem da convivência de dois regimes regulatórios diferentes?
– Efeitos da utilização de regras inadequadas sobre modelos regulatórios nos contratos de concessão. Por que precisamos nos preocupar com isso?
– Aperfeiçoamentos necessários nessas regras para atingirmos a universalização dos serviços mais rapidamente

Entrevistados:

À Definir

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

Carlos Eduardo Tavares de Castro

Carlos Eduardo Tavares de Castro

Graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Mestre em Engenharia de Produção pela PUC-Rio. MBA pela Fundação Dom Cabral. Pós-MBA na Kellogg School of Management. Formação Executiva – Skills, Tools and Competencies – também na Kellogg School of Management, em Chicago (IL, EUA). Relações Governamentais no Brasil, no Insper. Programa Governança, Risco e Compliance, pela Fundação Dom Cabral. Programa de Altos Estudos, pelo Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG). Atualmente é Vice-Presidente da Regional Sudeste da Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento (AESBE). Foi membro da Câmara Técnica de Prestação de Serviços e Relacionamento com Clientes da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES) e do Conselho Diretor/Vice-Presidente da Associação Brasileira das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto (ABCON).

Carlos Henrique da Cruz Lima

Carlos Henrique da Cruz Lima

Carlos Henrique da Cruz Lima é presidente do Conselho de Administração do Grupo Águas do Brasil – SAAB e presidente do Conselho Diretor da Abcon. Engenheiro civil formado pela UFRJ, atuando no setor privado de Saneamento Básico desde 1995.

Cleverson Aroeira da Silva

Cleverson Aroeira da Silva

Superintendente da Área de Estruturação de Parcerias de Investimentos, a unidade do BNDES responsável pelos serviços de estruturação de concessões e PPPs em setores de infraestrutura econômica e social, atua com estruturação de parcerias desde 2006. Já foi chefe do Departamento de Transportes e Logística do BNDES, responsável pela análise de operações de project finance e financiamento de longo prazo para concessões rodoviárias, ferroviárias e aeroportuárias. Foi ainda Secretário Executivo de Aviação-Civil, quando atuou na coordenação de concessões aeroportuárias ao setor privado. É graduado em Direito pela Universidade Federal do Espírito Santo e possui MBA executivo pela Escola de Negócios da UFRJ.

Édison Carlos

Édison Carlos

Edison Carlos is the CEO of the Instituto Trata Brazil; graduated in Chemical Industrial, for Carlos worked for many years in areas related to Communication and Institutional Relations In the chemical and petrochemical sectors. In addition to a degree in Chemistry for Oswaldo Cruz University, the CEO is post-graduated in Strategic Communication; He worked for nearly 20 years in various positions at Solvay Group, being responsible for Communications and Corporate Affairs Solvay Indupa in his latest years. In 2012, Edison Carlos was honored with the prize “Make a Difference – Person of the Year” of the newspaper O Globo – Category “Tomorrow Magazine” that rewards who excelled in the area of ​​Sustainability in Brazil. Between 2014 and 2016, Edison worked in partnership with the National Confederation of Bishops of Brazil (CNBB) and the National Council of Christian Churches (Conic) for the 2016 Ecumenical Fraternity Campaign that warns of need for basic sanitation in Brazil.

Felipe Rath Fingerl

Felipe Rath Fingerl

Felipe Rath Fingerl tem atuação há mais de 10 anos em diferentes segmentos do mercado financeiro e de capitais. Diretor Financeiro e de R.I. da Iguá Saneamento desde Jun/18, é também sócio fundador da IG4 Capital, tendo atuado como diretor de investimentos em Private Equity da gestora entre 2016 e 2018, responsável por transações envolvendo turnaround e special opportunities em setores diversos da economia brasileira, incluindo a operação de reestruturação societária e financeira que deu origem à Iguá Saneamento. Entre 2012 e 2016, na área de infraestrutura da GP Investimentos, conduziu projetos e análises de investimentos nos setores de saneamento, aeroportos, mobilidade urbana, energia e telecom. Fez parte também dos times de Investment Banking dos bancos J.P. Morgan e Modal entre 2009 e 2012, atuando nas áreas de fusões & aquisições e Equity Capital Markets para toda a América Latina, baseado em São Paulo e em Nova Iorque. Possui graduação em ciência econômicas pela PUC-Rio.

Fernando Alfredo Rabello Franco

Fernando Alfredo Rabello Franco

Graduado em Direito pela Universidade de Fortaleza (Unifor) e Especialista em Direito Tributário pela mesma instituição (Unifor). Hoje, além de conselheiro da Arce é também presidente da Associação Brasileira de Regulação – Abar. Eleito para o biênio 2018/2020.
Já exerceu os seguintes cargos: Ordem dos Advogados do Brasil secção Ceará; Conselheiro Estadual triênio 2010/2012; CIC-Centro Industrial do Ceará: Membro da diretoria biênio 2006/2007; CONTRAN- Conselho Nacional de Trânsito: Membro da Câmara Temática de Esforço Legal 2006/2007, Ministério das Cidades; Ordem dos Advogados do Brasil, secção Ceará, Presidente da Comissão Especial de Assuntos e Estudos sobre Direito de Trânsito e Tráfego, triênio 2010/2012; Ordem dos Advogados do Brasil secção Ceará: Membro da Comissão de Direito Tributário, triênio 2010/2012; Associação Brasileira de Regulação – Abar: Vice-Presidente eleito para o biênio 2015/2017.

Ferrnando Camacho

Ferrnando Camacho

Fernando Tavares Camacho holds a PhD in Economics from the University of Queensland (Australia). He also holds a Master’s in Economics from FGV / EPGE and a Master in Mathematical Methods in Finance from IMPA. His areas of interest include economic regulation, competition analysis, and business strategy in infrastructure industries. Fernando has published in high-caliber journals such as the Journal of Regulatory Economics, Annals of Public and Cooperative Economics, and Energy Policy. Camacho has a decade of experience as an independent consultant in infrastructure economics. Projects in Brazil include advising the associations of distributors (ABRADEE) and transmitters (ABRATE) of electric energy in issues such as cost of capital, regulatory risk and market power. Abroad, he advised the OECD on issues related to company privatization. Fernando also worked for 5 years as Project Finance analyst in the infrastructure area and 8 years as an executive in the BNDES project structuring area. Camacho is currently an Investment Officer at the International Finance Corporation (IFC) of the World Bank Group, where he is responsible for structuring Public-Private Partnerships and Concessions (PPPs) in various infrastructure sectors in Brazil.

Gabriel Muricca Galípolo

Gabriel Muricca Galípolo

Presidente do Banco Fator desde novembro de 2017, Gabriel é formado em Ciências Econômicas e mestre em Economia Política, ambos pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP).
Foi chefe da assessoria econômica da Secretaria de Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo (2007), diretor da Unidade de Estruturação de Projetos da Secretaria de Economia e Planejamento do Estado de São Paulo (2008).
Em 2009, fundou a Galípolo Consultoria, da qual é sócio-diretor.
É professor da Graduação da PUC-SP e do MBA de PPPs e Concessões da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo em parceria com a London School of Economics and Political Science.
Foi por vários anos articulista mensal do jornal Valor Econômico.

Guilherme da Rocha Albuquerque

Guilherme da Rocha Albuquerque

Guilherme da Rocha Albuquerque é Engenheiro de Produção pela UFRJ e Mestre em Finanças e Economia Empresarial pela FGV, além de possuir MBA em Finanças pelo IBMEC. Entrou no BNDES em 2009, tendo atuado por 7 anos na área de crédito para o setor de saneamento e infraestrutura urbana. Desde 2016 lidera o departamento de concessões e PPPs responsável pela execução do programa de saneamento do BNDES, dentre outros setores, com o objetivo de desenvolver estudos e implantar projetos de concessões e PPPs no setor. Antes de ingressar no BNDES, ele trabalhou como consultor na Accenture, tendo realizado projetos nos setores de utilities e óleo & gás.

Gustavo Guimarães

Gustavo Guimarães

Gustavo Guimaraes atualmente é CEO da Iguá Saneamento, companhia que atual em 5 estados brasileiros, atendendo mais de 6,6 milhões de clientes direta e indiretamente. Gustavo atuou como CFO da Sanepar (2015-2017), uma sociedade de economia mista, de controle estatal. Atuou ainda como CFO da Algar Agro (2010-2014), uma trading de commodities focada em grãos de soja, além de Senior Manager da KPMG (2007-2010). Anteriormente, atuou como CFO em empresas de mineração e como auditor independente liderando processos de auditoria e consultoria empresarial em companhias nacionais e multinacionais, adquirindo conhecimento e experiência em planejamento empresarial, valoração de empresas e negócios, gestão baseada em performance, processos de auditoria e de due diligence, entre outros. Gustavo tem MBA pela Ibmec Business School e é graduado em Contabilidade pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Helio Luiz Castro

Helio Luiz Castro

Diretor Presidente e Diretor de Regulação Técnica e Fiscalização em Saneamento na Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo
Responsável técnico pela operação da empresa de saneamento básico de Cuiabá – MT
Superintendente da Unidade de Negócio de Produção de Água da Sabesp
Desenvolvimento de Executivos na School of Public and Environmental Affairs da Universidade de Indiana
MBA em Gestão Empresarial pela FIA/USP,
Mestre em Recursos Hídricos pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo,
Especialista em Gerenciamento da Qualidade de Água em Lagos pelo Instituto do Lago Biwa, no Japão,
Engenheiro Civil/Sanitarista pela PUC-Campinas,
Tecnólogo em Saneamento pela UNICAMP.

Jerson Kelman

Jerson Kelman

Jerson Kelman é engenheiro civil (EE-UFRJ), M.Sc. em hidráulica (COPPE-UFRJ), Ph.D. em Hidrologia e Recursos Hídricos (Colorado State University) e Livre Docente (UFRJ). Desde 1974 é professor da COPPE-UFRJ. Participou de dezenas de exames de mestrado ou doutorado. Foi presidente da ABRH, ANA, ANEEL, LIGHT, ENERSUL e SABESP. É membro dos conselhos da FBDS, ENEVA, IGUA, EVOLTZ e FEBRABAN. Foi membro dos conselhos CNPE, CNRH, CONAMA, ELETROPAULO, SABESP, COSESP, ABENGOA, UNESCO-DELFT. Em 2003 ganhou o Prêmio King Hassan II.

Jose Guilherme Cruz Souza

Jose Guilherme Cruz Souza

Sócio da Vinci Partners desde sua fundação, lidera a área de infraestrutura desde 2016 onde gerencia mais de R$ 2bilhões em ativos de infraestrutura. Foi sócio na área de Private Equity, onde foi responsável por investimentos nos segmentos relacionados a infraestrutura e indústria. Foi responsável pelo monitoramento do investimento em Equatorial Energia até 2015, membro do conselho de administração da Celpa (Centrais Eletrica do Para) e Cecrisa. É membro do Conselho de Administração do Grupo CBO, Hydria, LEST e V2i Transmissão de Energia. Antes de se juntar à Vinci Partners, trabalhou por 5 anos no Banco Pactual como co-gestor do FIP Brasil Energia (fundo de R$ 1.2bi focado em geração e transmissão de energia). Tem experiências ainda em consultoria, na Stern Stewart & Co., e em equity sales and trading no Citigroup Asset Management e Banco Graphus. Sr. Souza é engenheiro eletricista pela Escola Federal de Engenharia de Itajubá (EFEI) e possui MBA, com concentrações em finanças e contabilidade corporativa pela University of Rochester, New York, onde recebeu a distinção Beta Gamma Sigma.

Karla Bertocco Trindade

Karla Bertocco Trindade

Profissional com mais de 17 anos de experiência na liderança de projetos de infraestrutura no Brasil. Em 2019 atuou como Diretora de Governo e Infraestrutura no BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Social), e anteriormente à esta posição foi Presidente da Sabesp (2018), companhia de capital misto responsável pela prestação de serviços de água e esgoto para mais de 25 milhões de habitantes do estado de São Paulo e faturamento superior a R$16 bilhões.
Também foi indicada para responder como Subsecretária de Parcerias e Inovação do Governo do Estado de São Paulo (2015-2018), responsável pela modelagem e gestão dos contratos de PPPs, concessões e privatizações do estado nos mais diferentes setores (rodovias, mobilidade urbana, saneamento, habitação, hospitais, energia). Na mesma posição criou o Pitchgov.sp, iniciativa destinada a aproximar o governo estadual do ecossistema de inovação visando a melhoria dos serviços públicos do estado.
Anteriormente, foi diretora presidente da ARTESP – agência reguladora dos serviços públicos de transporte do estado de São Paulo (2011-2015), responsável pela regulação e fiscalização das rodovias concedidas no estado e diretora de relações institucionais da ARSESP – Agência reguladora de saneamento e energia do estado (2008-2010), responsável pela regulação dos serviços de saneamento e gás canalizado.
Ainda na área de infraestrutura, iniciou seu trabalho como chefe de gabinete da presidência da Sabesp (2003-2006), na época da modificação do marco legal do setor, passando a coordenadora estadual de saneamento e recursos hídricos (2007).
Encerrou sua quarentena profissional obrigatória (pós BNDES) em 28/02/2020.

Marcel Sanches

Marcel Sanches

Marcel Costa Sanches é graduado em Engenharia Civil, com especialização em regulação de serviços públicos pela Warrington College of Business da Universidade da Flórida (EUA) e pela London School of Economics and Political Science – LSE (Reino Unido). Funcionário de carreira da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo – SABESP, possui uma trajetória profissional direcionada para formulação, implementação e acompanhamento de políticas públicas nas áreas de saneamento básico, infraestrutura urbana e habitação. Atualmente, exerce a função de Superintendente de Assuntos Regulatórios da Companhia desde março/2016, com destaque para a coordenação dos processos de contratualização com os municípios, regulação técnica, fiscalização regulatória e revisão tarifária. É membro do Conselho Estadual de Saneamento – CONESAN, Diretor da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental – ABES – Seção São Paulo e Coordenador da Câmara Técnica de Regulação da Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento – AESBE.

Marcelo Rangel Lennertz

Marcelo Rangel Lennertz

Sócio de Portugal Ribeiro Advogados. Master of Laws (LL.M.) pela Yale University e Mestre em Direito pela PUC-Rio. Foi consultor da equipe de estruturação de projetos de PPP da International Finance Corporation – IFC e professor de cursos no Mestrado Profissional da FGV Direito São Paulo e na pós graduação lato sensu da FGV, da PUC-Rio e do IDP.

Marcos Thadeu Abicalil

Marcos Thadeu Abicalil

30 anos de experiência nos setores de desenvolvimento urbano, infraestrutura e de água e saneamento. Atuação nos setores público (como especialista e gestor), privado (consultoria técnica) e organismos internacionais (especialista sênior e gestor de projetos). Experiência em desenvolvimento de projetos integrados multisetoriais, em áreas como desenvolvimento urbano e territorial, gestão de riscos de desastres, combinando infraestrutura, financiamento e instituições.

Mario Engler Pinto Junior

Mario Engler Pinto Junior

Mario Engler Pinto Junior é Doutor em Direito Comercial pela Universidade de São Paulo. Professor da FGV Direito SP e Coordenador do Programa de Mestrado Profissional. Leciona nos cursos de graduação e pós-graduação, além de realizar pesquisas sobre arranjos contratuais e societários nos setores público e privado. É membro da Câmara de Arbitragem do Mercado da Bolsa de Valores (B3) e Procurador do Estado de São Paulo (aposentado). Continua assessorando o Governo do Estado em diversos projetos.

Martha Seillier

Martha Seillier

Martha Seillier é servidora pública federal da carreira de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental; Graduada em Economia e em Direito é também mestre em Economia pela Universidade de Brasília; Ocupou, de 2011 a 2016, o cargo de Diretora do Departamento de Regulação e Concorrência da Aviação Civil na Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República; Em 2016, se tornou Chefe da Assessoria; Especial da Casa Civil da Presidência da República e participou da estruturação da agenda de reformas estratégicas para o Governo Federal; Em janeiro de 2019 assumiu a Presidência da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária – INFRAERO. Hoje está à frente da Secretaria Especial do Programa de Parcerias de Investimentos.

Oscar de Moraes Cordeiro Netto

Oscar de Moraes Cordeiro Netto

Oscar Cordeiro Netto possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade de Brasília (1978), mestrado/DEA em Técnicas e Gestão do Meio Ambiente pela École Nationale des Ponts et Chaussées da França (1989) e doutorado em Ciências e Técnicas Ambientais, também pela École Nationale des Ponts et Chaussées (1995). É professor da Universidade de Brasília, do Departamento de Engenharia Civil e Ambiental. Foi diretor da Agência Nacional de Águas no período 2004-2008 e Presidente da ABRH – Associação Brasileira de Recursos Hídricos no biênio 2002-2003. Foi membro do TEC/GWP (Technical Committee of the Global Water Partnership). Tem experiência nas áreas de Engenharia de Recursos Hídricos e Engenharia Sanitária, com ênfase em Planejamento Integrado dos Recursos Hídricos, atuando, principalmente, nos seguintes temas: saneamento ambiental, gestão de recursos hídricos, planejamento no uso de recursos hídricos, processos de auxílio à decisão e avaliação de políticas públicas. Atualmente é diretor da Área de Regulação da Agência Nacional de Águas (2018 – 2022).

Otávio Silveira

Otávio Silveira

Otavio Silveira was, in Set/2019, designated as CEO of OPY Healthcare, the first invested company of IG4 Capital fund II. OPY is a healthcare sector platform that focus on infrastructure investment and non-medical services providing with the vision of bringing management efficiency and innovation for the both public and private healthcare segments. He joined IG4 Operations Company in 2017 as Managing Director. Previously, he served as CEO of Iguá Saneamento (2013-2017) and was instrumental in the success of the transaction executed by IG4 Capital, and the transition to a new management team. He is also a member of the Analysis, Risk & Environmental Planning and Operations Committee at Iguá Saneamento. He has an MBA in Business Administration from Getulio Vargas Foundation, an MBA in Economic Engineering from Dom Cabral Foundation and a degree in Engineering from Federal University of Minas Gerais. He’s also IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa), member as of 01/2018.

Percy Soares Neto

Percy Soares Neto

Percy Soares Neto is executive director of ABCON – Brazilian Association of Private Utilities.
Specialist in Environmental Economics at the University of Alcalá de Henares, Masters Degree at PPGA-UFRGS and Doctoral Internship at the International Center for Environmental Research and Development – CIRED / CNRS (France).
Until July 2018 he was coordinator of the Industry water resources network, by CNI – National Confederation of Industry.
He has worked at the Ministry of the Environment and the Lake Guaíba Management Committee. Author of the book “Building Water Security”, launched in 2018 with the support of ArcelorMittal.

Rogério de Paula Tavares

Rogério de Paula Tavares

Engenheiro civil pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC – Rio), com especialização em Planejamento Urbano e Regional pela COPPE-UFRJ, e MBA em Finanças pelo IBMEC, Rogério possui sólida experiência em estruturação, contratação e administração de financiamentos e, ainda, em prospecção e captação de recursos junto a instituições financeiras nacionais e internacionais. Antes de ingressar na Aegea, ocupou o cargo de Diretor de Infraestrutura e Saneamento na Caixa Econômica Federal. Como Vice-Presidente de Relações Institucionais na Aegea, atua na expansão dos modelos de atuação colaborativa entre a empresa e novos parceiros, e no reforço do posicionamento institucional da companhia junto aos seus interlocutores, como associações de classe e entidades públicas.

Teresa Vernaglia

Teresa Vernaglia

Teresa Vernaglia especializou-se em implantação e gestão de empresas de infraestrutura com larga escala e complexidade. Vem atuando por 30 anos nos setores de redes de telecomunicações públicas, em redes de distribuição de energia elétrica e mais recentemente em saneamento (redes de água e esgoto) e água de reuso para indústria. Exerceu, por mais de 25 anos, posições de liderança em todas estas especialidades. Regulação, projeto, comercialização, operação, manutenção, universalização, qualidade, gestão de pessoas, transformação cultural, inovação, gestão de resultados, são temas comuns a todos estes segmentos.
Assumiu em maio de 2017 a presidência da BRK Ambiental, empresa líder do setor privado de saneamento, trabalhando para transformar a vida dos brasileiros através da ampliação do acesso aos serviços de água e esgoto no país. A BRK impacta diretamente 15 milhões de pessoas em 12 estados e visa ampliar sua atuação para todo o território nacional.
Trabalhou por 16 anos no grupo AES, foi Presidente da AES ERGOS, do Instituto AES Brasil e da AES ATIMUS e Vice-Presidente da AES ELETROPAULO. Foi Diretora de Engenharia e Operações da Nextel. Iniciou sua carreira na NEC do Brasil.
Teresa Vernaglia é graduada em Engenharia Elétrica pela Faculdade de Engenharia de Sorocaba com MBA em Gestão de Negócios pelo Instituto Técnico de Aeronáutica/ESPM.

Vanessa Tafla

Vanessa Tafla

Vanessa Tafla: formada em Direito pela PUC-SP e com especialização em Direito Ambiental pela FGV.
Advogada com mais de 20 anos de experiência na área de Direito Administrativo, com ênfase em licitações e projetos de infraestrutura.
Começou e trilhou boa parte de sua carreira como advogada em escritórios de advocacia. Mais recentemente ingressou no Grupo GS Inima Brasil, onde hoje é a Diretora Jurídica da holding.
Foi membro da Câmara Técnica de Assuntos Jurídicos e Institucionais do Conselho Estadual de Recursos Hídricos do Estado de São Paulo. Foi membro da Câmara Técnica Institucional e Legal do Conselho Nacional de Recursos Hídricos.

(Português) Luiz Felipe Pinto Lima Graziano

(Português) Luiz Felipe Pinto Lima Graziano

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.

(Português) Mauricio Portugal

(Português) Mauricio Portugal

Sócio do Portugal Ribeiro Advogados, Professor de Modelos Regulatórios da FGV-SP e Mestre em Direito pela Harvard Law School

(Português) Sebastián Butto

(Português) Sebastián Butto

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.

BLOCOS REALIZADOS

BLOCO #01 | CONTEXTUALIZAÇÃO DOS IDEALIZADORES

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul

 

 

Paula Faria, Idealizadora e CEO – Connected Smart Cities

BLOCO #02 | OS PROBLEMAS DO SERVIÇO DE SANEAMENTO NO BRASIL

Questões a serem abordadas:

– Qual a posição do Brasil em relação à qualidade e universalização dos serviços de distribuição de água e de coleta, tratamento e disposição de esgoto? Como o Brasil se compara a outros países em relação a esses serviços?
– Qual a posição do Brasil em relação às perdas na distribuição de água?
– Quais são as perspectivas de universalização dos serviços no contexto atual?

Entrevistados:

Édison Carlos, Presidente – Instituto Trata Brasil

 

 

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

BLOCO #03 | O MERCADO ATUAL DE SANEAMENTO

Questões a serem abordadas:

– Como se organiza o mercado de prestação de serviços de saneamento?
– Qual o papel e espaço do setor público atualmente e qual o papel e espaço do setor privado?
– Como estão os índices de qualidade e universalização do serviço nos lugares em que o setor público e nos lugares em que o setor privado atua?

Entrevistados:

Rogério Tavares, Vice-presidente de Relações Institucionais – AEGEA

 

 

Carlos Eduardo Tavares de Castro, Diretor Presidente – COPASA

 

 

Otávio Silveira, membro do Comitê de Sustentabilidade e Questões Operacionais e Regulatórias – Iguá Saneamento

 

 

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

BLOCO #04 | PERSPECTIVAS PARA O SANEAMENTO BÁSICO NO BRASIL: POR QUE UM NOVO MARCO LEGAL?

Questões a serem abordadas:

– Situação do saneamento básico e expectativa do Governo Federal em relação ao novo marco regulatório;
– A visão do Governo Federal em relação ao programa de desestatização dos serviços e das companhias estaduais em curso no âmbito do BNDES;
– O papel da Secretaria de PPI no saneamento básico.

Entrevistada:

Martha Seillier, Secretária Especial – PPI – Programa de Parcerias de Investimentos – Ministério da Economia

 

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

BLOCO #05 | OPORTUNIDADES QUE O NOVO MARCO LEGAL DE SANEAMENTO GERARÁ PARA O SETOR PRIVADO

Questões a serem abordadas:

– Quais oportunidades o novo marco legal gerará para o setor privado?
– O que vocês esperam de mudança no mercado após o novo marco legal?

Entrevistados:

Teresa Vernaglia, CEO – BRK Ambiental

 

 

Gustavo Guimarães, CEO – Iguá Saneamento

 

 

José Guilherme Cruz Souza, Sócio e Head de investimentos em infraestrutura – Vinci Partners

 

 

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

 

BLOCO #06 | SEGURANÇA JURÍDICA E SANEAMENTO BÁSICO

Questões a serem abordadas:

– Qual contribuição o novo marco legal pode dar para a segurança jurídica no setor de saneamento?
– O que esperar das demais instituições, como o Ministério Público e o Judiciário, dentre outras?

Entrevistados:

Mario Engler Pinto Junior, Presidente do Conselho de Administração – SABESP

 

 

Jerson Kelman, Conselheiro – Iguá Saneamento

 

 

Carlos Henrique da Cruz Lima, Presidente do Conselho de Administração do Grupo Águas do Brasil – SAAB e Presidente do Conselho Diretor da ABCON – Associação Brasileira das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto

 

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

BLOCO #07 | O PAPEL DA AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS NO NOVO MARCO REGULATÓRIO

Questões a serem abordadas:

– Competências da ANA no novo marco regulatório;
– Expectativa das agências reguladoras em relação às normas de referência;
– Por que atribuir à ANA de competências? Como isso pode melhorar o ambiente regulatório do setor?

Entrevistados:

Oscar de Moraes Cordeiro Netto, Diretor – ANA – Agência Nacional de Águas

 

 

Fernando Alfredo Rabello Franco, Presidente – ABAR – Associação Brasileira de Agências de Regulação

 

 

Fernando Camacho, Investment Officer e Professor de EconomiaIFC e FGV/EPGE – Escola Brasileira de Economia e Finanças Fundação Getúlio Vargas

 

Entrevistadores:

Mauricio Portugal Ribeiro, Sócio – Portugal Ribeiro Advogados

 

 

Luiz Felipe Graziano, Sócio – Giamundo Neto Advogados

 

 

Sebastián Butto, Sócio – Siglasul 

 

PRESENTER SPONSORSHIP

PLATINUM SPONSORSHIP

DIAMOND SPONSORSHIP

GOLD SPONSORSHIP

SILVER SPONSORSHIP

BRONZE SPONSORSHIP

STRATEGIC INSTITUTIONAL SUPPORT

INTERNATIONAL STRATEGIC SUPPORT

INTERNATIONAL SUPPORT

INSTITUTIONAL SUPPORT

MEDIA SUPPORT

REALIZATION

PARALLEL EVENT