fbpx

Os encontros online acontecem quinzenalmente nas redes sociais do CSC e a participação é gratuita 

Nesta terça-feira, 10, a partir das 9h, será a vez de discutir o eixo Meio Ambiente nos debates dos eventos temáticos do Ranking Connected Smart Cities 2022. Maria Heloisa Furtado Lenzi, Secretaria Municipal de Meio Ambiente da Prefeitura de Balneário Camboriú, Cátia Valente, Head de Projetos Governamentais do Climatempo, Luana Siewert Pretto, CEO do Trata Brasil, Leonardo Musumeci, Pesquisador da Faculdade de Saúde Pública da USP e professor do MBA Cidades e Inovações, Vitor Raydan Diab, Gerente de Área da RainBird e a mediadora, Iara Negreiros, Consultora Associada da Spin Soluções Públicas Inteligentes e Doutora na Escola Politécnica da USP e ABNT/CEE-268 de “Cidades e Comunidades Sustentáveis”, são presenças confirmadas no evento temático do Ranking CSC para debaterem os indicadores de Meio Ambiente e apresentarem cases do que vem acontecendo nas cidades e instituições.

Balneário Camboriú, 1º lugar em Meio Ambiente no Ranking Connected Smart Cities 2021, fornece água encanada a 100% dos domicílios na cidade. O índice de atendimento urbano de esgoto é de 94,9% e 100% do esgoto coletado é tratado. A taxa de materiais recicláveis recuperados é de 2,7%, e o município tem 100% de cobertura do serviço de coleta de resíduos. Há, ainda, monitoramento de área de risco, e do total da frota de veículos, 0,26% são de baixa emissão de C02.  

A Secretária Municipal de Meio Ambiente de Balneário Camboriú, Maria Heloisa Furtado Lenzi, afirma que a Secretaria tem o grande desafio de manter o equilíbrio entre a urbanização e a preservação ambiental. “Buscamos soluções inovadoras para garantir o desenvolvimento social, econômico e a proteção ambiental, que são os pilares da sustentabilidade. As experiências e resultados desta equação podem ser modelo para cidades que têm o crescimento a médio e longo prazo como foco”, disse. 

Cátia Valente, Head de Projetos Governamentais da Climatempo, comenta que, em um meio ambiente de constante mudança, o aplicativo de previsão do tempo trabalha com o propósito de prever o futuro da humanidade, através da ciência e da tecnologia. “Voltada a diversos públicos, a Climatempo está estruturada em Verticais que atuam como se fossem empresas independentes para que possamos nos dedicar totalmente a cada um dos setores de Energia, Agro, Mídia, Varejo, Transporte e Logística, Mineração e Construção e Projetos Governamentais. E é sobre o trabalho desenvolvido pela Vertical Projetos Governamentais que vamos tratar neste evento temático, mostrando um pouquinho do que fazemos, e de como a empresa privada pode contribuir com o setor público. O intuito é servir a comunidade de modo a protegê-la dos impactos climáticos que tem sido cada vez mais constantes e intensos nas nossas cidades”, afirmou.

Luana Siewert Pretto, CEO do Instituto Trata Brasil, diz que o cenário é desafiador no país, onde quase 35 milhões de pessoas não são abastecidas com água tratada, aproximadamente 100 milhões continuam sem os serviços de coleta de esgoto, e somente 50% do volume de esgotos gerados são tratados. “Como Presidente Executiva do Instituto Trata Brasil, tenho o propósito de transformar a realidade de vida das pessoas por meio do saneamento básico. Junto ao ITB, enxergo a união de esforços com os mais diferentes atores como uma forma de gerar melhorias efetivas para o saneamento, impactando positivamente a saúde da população, a qualidade de vida, a educação, o desenvolvimento econômico, entre outras áreas que são afetadas pela falta de acesso aos serviços de saneamento”, disse Pretto. 

A CEO comenta que a expectativa é contribuir para o evento temático do Ranking CSC com dados e informações dos estudos e projetos realizados pelo Trata Brasil, para promover o saneamento no país. “O conhecimento é um importante instrumento para melhorar os índices atuais, de modo que toda população brasileira tenha acesso à água potável e possamos aumentar os índices de esgoto coletado e tratado, mudando a realidade de muitas pessoas tanto nas regiões mais centrais, quanto nas regiões do interior mais afastadas do Brasil”, comentou.

Leonardo Musumeci, pesquisador vinculado à Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo na linha de sistemas urbanos, saúde e sustentabilidade, participa do debate com o objetivo de contribuir tanto com municípios de maior capacidade institucional, a partir do relato da experiência de municipalização da Agenda 2030 de São Paulo, e de seu esforço em adaptar indicadores globais e nacionais para a realidade municipal; como com cidades de menor capacidade, dando ênfase à produção de dados de políticas de base comunitária com atenção primária em saúde. Segundo o pesquisador e professor do MBA Cidades e Inovações, “em qualquer dos casos, a participação social, a intersetorialidade e a análise especializada de dados com ênfase intraurbana são bases fundamentais para dar conta das especificidades dos desafios nos diferentes territórios”.

Para fechar os convidados da mesa, o gerente de área da RainBird, Vitor Raydan Diab, comenta que a multinacional de irrigação é pioneira no uso eficiente da água para espaços verdes. “Nossa tecnologia se baseia no uso inteligente dos recursos hídricos para manter jardins, parques e campos esportivos saudáveis durante todo o ano com máxima economia. Estamos presentes no Brasil através de uma ampla rede de fornecedores e projetistas para conceber projetos de paisagismo e irrigação eficientes”, afirma. 

Os Eventos Temáticos do Ranking Connected Smart Cities 2022 acontecem até 02 de agosto, sempre a partir das 9h. Para acessar o calendário com a programação visite o site do evento. Acompanhe os debates, gratuitamente, pelas redes sociais do CSC (Facebook, YouTube, Linkedin). Para interagir com os participantes, inscreva-se neste link.

Serviço:

Evento Temático Ranking Connected Smart Cities 2022

Tema: Meio Ambiente

Convidados participantes: SMBC, Trata Brasil, Climatempo, Faculdade de Saúde Pública USP e RainBird

Data: 10/05

Horário: 9h00

Transmissão online e gratuita.

 

Assessoria de Comunicação e Imprensa Connected Smart Cities

Patrícia Esteves (MTB 49.995)

()

13 98808-8470