fbpx

Módulo internacional é parceria da FESPSP e do Connected Smart Cities

A FESPSP – Sociologia e Política – Escola de Humanidades e o Connected Smart Cities apresentam, de 09 a 13 de maio de 2022, o Programa Internacional de Líderes da Infraestrutura. O Infra Leaders será um programa intensivo de 5 dias com o objetivo de identificar os requisitos de liderança necessários para implementar programas de infraestrutura, especialmente nas áreas de água e esgoto, portos e aeroportos, transporte, energia e programas relacionados à infraestrutura social, incluindo escolas, parques, e iluminação pública.

O contexto das Metas de Desenvolvimento Sustentável (SDG) da ONU será levado em consideração neste programa, destacando a importância da sustentabilidade social, econômica e ambiental na implementação de projetos, seja no setor governamental ou privado. A agenda dos ESG (Environmental, Social and Governance) é cada vez mais forte no setor de infraestrutura e será devidamente abordada nos conteúdos.

O setor de infraestrutura no Brasil e os projetos de saneamento ambiental receberão muita atenção, já que o novo marco legal tem lançado questões relacionadas a este campo. O programa abordará, ainda, como aproveitar essas habilidades e experiências para conduzir e moldar estratégias governamentais, empresas privadas e estatais, agências reguladoras, bancos de desenvolvimento, instituições de auditoria e outros atores institucionais relevantes para a implementação bem sucedida de projetos de infraestrutura. 

“o contexto brasileiro precisa ser plenamente levado em conta ao considerar papéis de liderança e, de fato, ao se valer da experiência local, regional ou internacional. Um dos objetivos deste programa, portanto, será ajudar os participantes a identificar suas exigências na interseção de todos estes processos”, afirma Carlos Alexandre Nascimento, Diretor de Programas da LSE Custom Programmes.

Estrutura do Programa

Este será um programa equivalente a 36 horas em sala de aula, e pelo menos 4 horas de interação social e informal, completando 40 horas letivas.  Os participantes terão uma compreensão mais profunda e abrangente de como uma liderança eficaz pode melhorar a implementação de todos os tipos de projetos de infraestrutura, e de como essas melhorias podem ser quantificadas e medidas. 

Serão apresentados exemplos, positivos e negativos, de como a implementação pode ser alcançada ou comprometida. Os participantes também terão uma melhor compreensão de como seus papéis pessoais serão críticos para seu sucesso como líderes de projeto, ainda que construam equipes eficazes para ajudá-los a atingir seus objetivos.

Para quem se destina?

O Programa Internacional de Líderes da Infraestrutura é projetado, principalmente, para a alta administração dos setores público e privado, formuladores de políticas públicas e implementadores que trabalham em instituições municipais, estaduais e federais, entidades estruturadoras de projetos de PPP e concessões, funcionários de instituições reguladoras e de auditoria, bancos de desenvolvimento e instituições financeiras, profissionais do direito dos setores público e privado, e a comunidade acadêmica, jornalistas, ONGs e grupos de reflexão ativos dentro do setor de infraestrutura. 

Objetivos do programa

Dentro dos objetivos do programa, estão:

  • Estimular habilidades e experiências para moldar e impulsionar estratégias com vistas à implementação de projetos de infraestrutura;
  • Analisar criticamente aspectos relevantes de projetos de infraestrutura com renomados nomes internacionais;
  • Estudar casos globais que podem ser adaptados e aplicados ao contexto brasileiro;
  • Estudar o desenvolvimento de habilidades específicas para os requisitos de liderança em instituições e projetos envolvidos com infraestrutura.

Corpo docente do programa

Tome nota de quem serão os professores do Programa Internacional de Líderes da Infraestrutura:

  • Alberto Asquer – Professor da SOAS University of London;
  • Alexander Galetovic  – Fellow da Stanford University/Hoover Institution;
  • Javier Encinas – Diretor de Projetos – Infrastructure and Projects Authority (IPA) – Governo Britânico;
  • Julius Sen – Associado do Systemic Risk Centre (SRC) da LSE;

Mais informações e inscrições pelo site.

Assessoria de Comunicação e Imprensa Connected Smart Cities

Patrícia Esteves (MTB 49.995)

()

13 98808-8470